Informações

– Inscrições:

Vagas: 168 (14 pessoas por tribo)

Valor: R$ 132,00

Formas de pagamento:

Boleto ou cartão em até 3 vezes Pelo pagseguro direto no site.

O pagamento deverá ser feito ao final da inscrição através do sistema PagSeguro, podendo ser pago através de cartão de crédito ou boleto bancário. A inscrição só é confirmada após a comprovação de pagamento pelo PagSeguro, pagamentos efetuados através de cartão de crédito o sistema confirma o pagamento no ato da inscrição, e inscrições através de boleto bancário demora 1 dia útil após a data do pagamento para confirmação.

 

Data:

Horário para começar o evento: Dia 07/09 às 09:00 horas, termina dia 09/09 às 13:30 horas

 

– Estrutura

Sitio com 4 hectare.

Espaço para Barracas

Banheiros individuais

Cozinha Ampla

Horta com varios Legumes

Playground (Crianças)

Barragem para Gincanas e provas das tribos

 

Todos os congressistas deverão levar:

Barraca (Obrigatório)

Colchão (Obrigatório)

Roupa de cama (Obrigatório)

 

Conselhos:

Toalhas

Lanternas

Bota ou tênis com bom solado

Camisetas (de preferência as que secam rápido), calça (de preferência as calças bermudas que você pode adaptar ao clima)

Roupas de frio, se necessário

Roupas íntimas extras, meias extras

Proibido uso de biquíni ou roupas imprópria nas gincanas e também no acampamento

Saquinhos plásticos para você armazenar seu lixo e trazê-lo de volta

Higiene, saúde e segurança

Protetor solar, protetor labial

Desodorante, hidratante, repelente

Escova e pasta de dentes, fio dental

Shampoo e Sabonete

 

– Hospedagem:

Hospedagem em barracas (todos devem trazer)

Cronograma de alimentação:

Sexta Feira dia 07 – Desjejum, Almoço e Jantar

Sábado dia 08 – Desjejum, Almoço e Jantar

Domingo dia 09 – Desjejum e Almoço

 

Regimento Interno do Acampamento de Israel “Como no Passado”

O Objetivo do acampamento é:

a) Desenvolvimento e crescimento espiritual;

b) Evangelização, educação cristã e discipulado;

c) Integração das crianças, juventude e das famílias na vida das Igrejas e nas obras e serviços por elas desenvolvidos;

d) Cultivo de atividades que visem a educação ecológica, preservação do meio ambiente e eco-turismo;

e) Cultivo de atividades culturais, artísticas, sociais, esportivas dentro do espírito genuinamente cristão.

 

Art. 1º. – Todos os eventos realizados neste acampamento obedecerão às suas finalidades com especial destaque para as de natureza espiritual.

 

Art. 2º. Em todos os eventos realizados no acampamento estará presente um dos membros de sua diretoria ou representante por ela designado, que será o responsável direto em fazer cumprir as normas estabelecidas neste regimento.

 

Art. 3º. O patrimônio do CFR Sitio Viva Melhor é constituído por:

  1. a) Seu imóvel com todas as benfeitorias nele existentes;
  2. b) Seus móveis e utensílios;
  3. c) Todos e quaisquer bens, acréscimos ou benfeitorias que venham a ser incorporados a ele, a qualquer título ou tempo.

 

Parágrafo único – Cabe ao acampamento manter as instalações em perfeitas condições de uso.

 

Art. 4º. – Para fins de manutenção e preservação do patrimônio, sem prejuízo de outras medidas e providências que se tornem necessárias, ficam previamente estabelecidas as seguintes proibições:

 

– A locomoção de móveis ou equipamentos sem a expressa e específica autorização da diretoria ou seu representante;

– A retirada de qualquer equipamento, ferramenta ou utensílio de propriedade sem autorização da diretoria ou seu representante;

– Qualquer atitude que represente depredação dos bens móveis e imóveis, como árvores, gramado, vegetação, play-ground, etc, e pelo contrário, dever-se-á conservá-los limpos e livres de quaisquer rabiscos, marcas, adesivos, nomes, etc;

– Colher flores e frutos das árvores, sem autorização;

– Fixar cartazes nas paredes, porta s, janelas, cercas, alambrados,

arvores, etc, com materiais que causem danos;

– O uso de armas de qualquer tipo, bem como a caça ou aprisionamento de todas as classes de animais;

– O desperdício de energia elétrica e água, devendo os responsáveis pelo grupo observar sempre se há torneiras abertas e luzes acesas desnecessariamente;

– Utilização de qualquer tipo de fogueira sem a expressa autorização e indicação do local adequado pela diretoria. A lenha necessária deverá ser providenciada pelo usuário, não sendo permitida a utilização de lenha da propriedade.

– Estacionar ou circular com veículos fora dos locais a eles destinados ou transitar com velocidade acima da estabelecida.

 

Parágrafo único – Qualquer defeito verificado no mobiliário, ou em qualquer outro bem do sitio, deverá ser comunicado, de imediato, a diretoria ou seu representante e na ausência de um de seus integrantes ao zelador, para as devidas providências.

 

Art. 5º. – Para fins de ordem e conduta nas dependências do sitio, sem prejuízo de outras medidas e providências que se tornem necessárias, ficam previamente estabelecidas às seguintes regras:

 

– É proibida qualquer prática que contrarie os padrões cristãos de comportamento, devendo os responsáveis pelo grupo zelar por uma conduta exemplar, testemunho aprimorado, bons costumes, evitando o uso de trajes inadequados e em tudo respeitando-se uns aos outros;

-Proibido uso de biquíni ou roupas impróprias nas gincanas e também no acampamento.

– Os responsáveis pelo evento deverão zelar pelo bom nome da igreja, evitando o afastamento de casais de namorados para locais isolados, fora das vistas dos demais participantes;

– Toda e qualquer atividade ficará suspensa da meia noite às seis horas da manhã, devendo existir neste período absoluto silêncio, salvo eventos devidamente autorizados pela diretoria do acampamento;

– É vedado aos usuários adentrar no sitio com animais de quaisquer espécies;

– É vedada aos usuários a utilização da residência do zelador;

– Barragem para provas das tribos

– No caso de encontros com a utilização de barracas, é vedado aos homens entrarem nos lugares reservados as mulheres, e vice-versa;

– O uso de som pelos usuários deverá ser compatível com as atividades do local;

– É vedado a utilização de jogos de azar de qualquer espécie, drogas, bebidas alcoólicas, cigarros e fogos de artifício;

– É vedada a entrada e a permanência de elementos em estado de embriaguez ou drogados nas dependências do CCAPM.

 

Art. 6º. – Para fins administrativos e de organização dos eventos realizados nas dependências do sitio, ficam previamente estabelecidas às seguintes regras:

– Todo o material de higiene pessoal e de limpeza será de responsabilidade dos usuários, salvo acordo em contrário;

– As normas quanto à utilização de barracas (de responsabilidade dos usuários) serão definidas pela diretoria do acampamento juntamente com os responsáveis pelo evento, quanto ao número, localização, áreas para homens e mulheres, etc;

–  O Sitio não se responsabiliza por qualquer acidente que possa acontecer em sua propriedade durante a sua utilização, ficando claro que o sitio não possui enfermaria para qualquer tipo de atendimento de emergência, devendo o usuário ter o seu próprio material de socorro, encaminhando os casos mais graves ao Pronto, assumindo, o usuário, todas as despesas e responsabilidades;

– Recomenda-se aos usuários que verifiquem a voltagem das tomadas a serem utilizadas e que, para maior proteção e segurança dos equipamentos eletro-eletrônicos, utilizem estabilizadores de voltagem;

– Qualquer pessoa ou grupo que desobedecer às normas deste Regimento Interno, não agir de forma cristã para com as autoridades do acampamento ou depredar a propriedade, será convidada a se retirar, ficando sujeita a restrições quanto ao futuro uso do local, não lhes cabendo restituição ou ressarcimento pelo tempo restante contratado e pago;

– Os usuários serão responsáveis pela reposição de bens do sitio que forem danificados ou extraviados durante a realização do evento, na mesma quantidade e qualidade do bem referido;

– Todas as reservas serão feitas diretamente com a diretoria do acampamento através de seu Diretor Social ou representante;

– Os visitantes não membros das igrejas só poderão participar de atividades no acampamento acompanhados por membros, os quais se responsabilizarão por todos seus atos;

– É vedada a sublocação das dependências do sitio.

 

Art. 7º. – Casos não previstos neste regimento interno serão resolvidos pela Diretoria do acampamento. Parágrafo único – A Diretoria do acampamento estabelecerá normas de utilização de suas dependências e espaços, podendo alterá-las a qualquer tempo, quando julgar necessário.

 

Art. 8º. – O presente regimento interno poderá sofrer modificações a qualquer tempo, a juízo da diretoria do acampamento.